A Horta da Cidade, um projeto que merece ser replicado

Em plena capital mineira, entre casas e prédios do Santa Lúcia, um projeto embrionário começa a dar os seus primeiros passos. Idealizado por George, nosso jardineiro querido, conhecido por suas mudinhas sempre presentes na Feira Fresca, o espaço começa a tomar forma do sonho: fornecer hortifruti fresco, livre de agrotóxico, direto da terra e dentro da cidade. A Horta da Cidade fica num terreno com muito sol no alto da nossa Beagá. Subindo as ladeiras do bairro, na Rua Lua, 340, encontramos a entrada: uma portinha sempre aberta para quem quiser chegar.

Fomos recebidos pelo próprio George que, munido de botinas e chapéu de palha, nos apresentou o lugar.  Logo na entrada, do lado direito, sob a sombra de um sombrite sustentado por estacas de madeira decoradas com lindos chifres de veado está a loja da Fábrica de Hortas. Eles nos mostrou a grande diversidade de plantas, algumas inclusive pouco comuns, e bateu um papo com a gente sobre como tudo começou.

A Fábrica de Hortas surgiu em fevereiro de 2016 produzindo mudas no quintal de casa e oferecendo serviço de jardinagem. O desejo era democratizar as hortas urbanas e difundir o cultivo da própria alimentação, com o objetivo de trazer, além segurança alimentar, qualidade de vida e bem-estar, fazendo as pessoas estabelecerem uma conexão direta  com a natureza. Na época, George trabalhava como jardineiro e notou que muitos clientes tinham desejo de ter a própria horta, mas não tinham conhecimento e faltavam insumos.

O negócio cresceu, hoje as mudinhas são produzidas por sua família há 4 km de bh, em Esmeraldas, e trazidas por ele para serem escoadas em Belo Horizonte. No sítio eles trabalham as mudas de ervas aromáticas e medicinais, hortaliças, PANC’s, e de frutas (inclusive vimos lindas mudas de pitaya). Fazem o plantio dessas mais de 80 espécies em pequenas células até estarem fortes os suficiente para a comercialização. O cuidado aqui é muito grande para que as mudas consigam se desenvolver plenamente sem grandes perdas após sairem do berçário. Além das pequenas a Fábrica de Hortas também fornece vasos e terra adubada para quem quiser começar sua própria hortinha em casa.

O espaço também abriga o mais novo projeto, a Horta da Cidade. Andamos entre curvas de plantio, aprendemos sobre espécies e descobrimos as peculiaridades de produzir hortifruti num espaço restrito sem o uso de agrotóxicos, que George faz questão de enfatizar “estamos trabalhando dia e noite aliados com a natureza para conseguir o certificado de produção orgânica tanto para as mudas quanto para a horta”. Durante a manhã que passamos no terreno conseguimos perceber a aprovação da comunidade do entorno que se beneficiou com hortaliças fresquinhas, saborosas, cultivadas de forma natural para uma alimentação saudável. A conexão é feita imediatamente, e mesmo sem o certificado de produção orgânica a garantia vem. Com as portas abertas de segunda a sexta de 9 às 17 horas e  aos sábados de 9 às 12 horas, o cliente vira o próprio fiscal e confirma que nada mais além de água e muito amor é colocado no cultivo.

Hoje a horta cresce exponencialmente com cada vez mais novas espécies integrando o ecosistema. Atualmente, encontra-se por lá 4 tipos de alfaces, mostarda, rúcula, couve, agrião, cebolinha, salsinha, almeirão, ora pro nobis, taioba, tomilho, coentro, espinafre, rabanete, nirá, e manjericão basilico e roxo.  Quem entra pode escolher o que quer levar pra casa com um simples apontar de dedos. Colhidos na hora, o alimento retem mais vitaminas, minerais e um sabor inconfundível de coisa fresca! Além de poder escolher in loco as hortaliças o George vai levar muito dessa produção paras as feiras, então fique de olho na agenda delas!

Além de hortifruti colhidos diretamente da terra para o consumidor, o projeto também faz a coleta de resíduos orgânico nos bairros Santa Lúcia, Belvedere, São Bento e Vila da Serra.  Assinando o plano de coleta, recebe-se  dois baldinhos que são recolhidos toda segunda e quinta-feira pela Horta, neles devem ser separados os restos de alimentos indicados no rótulo, em retorno o assinante recebe mensalmente 10 itens disponíveis a sua escolha. A taxa é pequena, o retorno é imenso e o meio ambiente ainda agradece!

Foi ai que entendemos que os projetos são separados, inclusive com diferentes CNPJ’s, mas são inseparáveis, o mais velho depende do mais novo e vice versa para funcionarem a todo vapor. “É um ciclo: uso as mudas que sobraram das feiras para fazer o plantio da horta. Com a coleta de lixo orgânico, fazemos a compostagem que usamos tanto na horta quanto vendemos a terra adubada na Fábrica de Hortas.” O espaço também realiza oficinas e o pessoal além de aprender bota a mão na terra e contribui para a construção da horta.

O projeto é incrível e verdadeiramente animador, saímos de lá realizados sabendo que existe gente como o George que sonha com uma alimentação de qualidade, fresca e muito acessível. Foi uma delícia passarmos a manhã tomando sol, ouvindo passarinho, apreciando o verde e sentindo o cheirinho da terra molhada. Na nossa sacola muitas folhas para o resto da semana e o aprendizado que só uma experiência como essa pode gerar.  A coleta? Ainda não conseguimos assinar por causa da nossa região, mas o George disse para ficarmos de olho em terrenos possíveis perto da gente, que o desejo dele é replicar o modelo e encher toda a cidade de verde!

 

Vá conhecer você também!
A Horta da CidadeFábrica de Hortas
Rua Lua 340, Santa Lúcia
Funcionamento: segunda a sexta de 9h às 17h, sábado de 9h às 12h

Curando a ressaca de Carnaval com a Feira Fresca na Serra

Queijo Bello na Feira Fresca na Serra

Agora que o carnaval acabou as pessoas buscam na alimentação ajuda para colocar o corpo em forma e garantir energia e disposição para o resto do ano. A Feira Fresca é o lugar ideal para: aprender o que comer buscando uma melhor qualidade de vida; comprar os ingredientes e alimentos de uma dieta balanceada; e estabelecer uma relação de confiança com quem produz aquilo que você come. Venha participar deste movimento com a gente! Estaremos neste sábado, dia 17/2, de 9h às 15h, na Vila211, que fica na rua professor Estevão Pinto 211, na Serra. A entrada é gratuita e o espaço é pet friendly!

Café Abraço na Feira Fresca Vila211

Nesta Feira Fresca prepare-se para encontrar:

  • 23 pequenos produtores de alimentos locais: de mel até licores, passando por café, hortifruti orgânico, queijos e muito mais!
  • Opções para restritivos: alimentos veganos, sem glúten e/ou sem lactose.
  • Ingredientes frescos para levar para casa, colhidos na véspera e sem agrotóxicos – feitos pensando na saúde de quem come -.
  • Comida para comer na hora: café da manhã, lanches e almoço.
  • Cerveja artesanal e kombucha para se refrescar.

Hortifruti Vista Alegre Orgânicos na Feira Fresca Vila211

Além de tudo isso temos uma novidade: teremos continuamente na Feira Fresca na Vila211 apresentação acústica do músico Philip Morais e mais um convidado – que varia a cada edição -! Quem conferiu a primeira participação, que aconteceu em nossa última edição na Serra, aprovou e disse que combinou muito com a Feira Fresca, nós também amamos e concordamos! Lembrando que a Fresca na Vila211 acontece todo terceiro sábado do mês.

Cocó de Coque Feira Fresca Vila211

Participe com a gente deste sábado delicioso (sem previsão de chuva), convide pessoas especiais e divida com elas momentos agradáveis embalados por comida boa e saudável, cerveja artesanal gelada e música boa! Relembrando, a Feira Fresca na Vila211 acontece dia 17/2, de 9h às 15h, na rua Professor Estevão Pinto 211, na Serra, a entrada é gratuita e o evento é pet friendly.

Um resto de semana fresca para você e até logo!

Música acústica Feira Fresca Vila211

Antes do carnaval tem Feira Fresca no Incontrês

Feira Fresca no Incontrês

No outro fim de semana já é carnaval, mas tem Feira Fresca no meio do caminho… Neste domingo, dia 4/2, estaremos na Carandaí 420, de 9h às 15h, no Incontrês (antigo House of Food) para mais uma edição completa. Serão 23 produtores de alimentos locais oferecendo receitas únicas e ingredientes super frescos, tudo produzido de forma sustentável e sem agrotóxicos, pois se preocupam com a saúde de quem come. Venha participar desta iniciativa com a gente, construir uma relação de confiança com quem produz o alimento que chega na sua mesa e, ao mesmo tempo, incentivar o consumo local! A entrada é gratuita e o espaço é pet friendly.

Fábrica de Hortas na Feira Fresca no Incontrês
Fábrica de Hortas na Feira Fresca no Incontrês

A Fresca na Carandaí já acontece há mais de um ano e está cada vez melhor. Adoramos como nossos frequentadores aproveitam o espaço, que tem bastante sombra e uma ciclovia, para junto das compras fazerem um passeio com as crianças e cachorros; ou como outros colocam a Feira como parada no meio de sua pedalada. Nossos frequentadores também já aprenderam que o Incontrês oferece comidas e bebidas variadas, para quem quiser tomar o café da manhã na feira, comer um quitute entre uma compra e outra, almoçar por lá ou para quem não fica sem um chope artesanal. Assim, nossa edição por lá passa para além de apenas a compra de alimentos saudáveis e vira um programa completo a ser dividido com pessoas queridas!

Mesas Feira Fresca Incontrês

Na edição no Incontrês temos um núcleo fixo de produtores que já “criou raízes”, por assim dizer, já que as pessoas vão até lá atrás deles. São iniciativas que vale a pena conhecer e levar para casa, cada uma por seus motivos únicos, e estes variam de pessoa para pessoa… Tem gente que chega na feira e vai direto cumprimentar os Porteira Verde, cuja simpatia contagia, enquanto outros os buscam por que não tem mais sal funcional em casa. Também temos clientes que chegam direto na mesa da Simplesmente Saudável para conferir qual ingrediente da época está sendo usado nos variados produtos, deliciosos, frescos e saudáveis o ano todo.

Clientes e Umami Paladares na Feira Fresca
Clientes e Umami Paladares na Feira Fresca

Outros grandes sucessos são o ketchup e a mostarda artesanal da Umami Paladares, que dá desconto nas compras para quem retorna a embalagem – prática que vale também com outros produtores nossos, informe-se com eles! -. A Ameixa Confeiteira não fica para trás, com uma torta vegana e outras delícias que costumam acabar de tanto que procuram. E não podemos esquecer de nossa especialista em molhos pesto, a Sabores da Ci, de quem sabemos de muita gente cuja geladeira não fica sem seus produtos.

Visitas ilustres da Feira Fresca
Visitas ilustres da Feira Fresca

Sim, o leite de cabra tem lactose assim como o leite de vaca e leite humano, embora muitas pessoas com intolerância a lactose possam beber leite de cabra. Por quê? Postula-se que a razão está na digestibilidade superior de leite de cabra. Leite de cabra é mais completo e facilmente absorvido do que o leite de vaca, deixando menos resíduos indigestos no cólon para fermentar e causar os sintomas desconfortáveis ​​da intolerância à lactose.
Fonte: mundoboaforma.com.br, leia mais.

Uma dica: quem chegar cedo tem a vantagem de encontrar os pães da Madre Pães Artesanais quentinhos, e quem chega tarde corre risco de não encontrá-lo mais. E não esqueça de conferir nossos queijos, temos para todos os gostos e quem não gostar de um costuma gostar do outro: o Capril Santa Cecilia, que também tem laticínios, é uma ótima opção, super saborosa, e mais aceita para quem tem intolerância ou alergia a lactose. Para quem busca sabores mais complexo ou uma ótima opção para presente, conferir os queijos de cabra curados da D`Chèvre é fundamental.

Além de tudo isso teremos muito mais, de orgânicos: Hortifruti do Projeto Vista Alegre; Mel e Própolis da Verde Vivo Mel; Cafés variados que respeitam o fair trade do Café Abraço; e Cogumelos frescos flórida, shimeji e salmão com DoCaminhante.

Feira Fresca Incontrês

Tudo isto e muito mais estará na super Feira Fresca no Incontrês. Relembrando, a Fresca lá é sempre no primeiro domingo do mês, e a próxima será no próximo fim de semana, dia 4/2, de 9h às 15h, na avenida Carandaí 420. A entrada é gratuita e o evento é pet friendly. Ah, não podemos esquecer de falar que o espaço é coberto, então a Feira acontece faça chuva ou faça sol.

Um resto de semana fresco para você e até domingo!